30 de julho de 2014

Três morrem em troca de tiros com a polícia

Ocupantes do veículo fugiram ao avistarem a polícia e ainda dispararam vários tiros; três morreram e a identidade deles continua desconhecida

O caso ocorreu na estrada da Moralogia, na noite de 2ª feira
Três homens morreram, após uma troca de tiros com a Polícia Militar, por volta das 22h35 de segunda-feira, na estrada da Moralogia, no bairro Moralogia, em Mogi das Cruzes. Investigadores do Setor de Homicídios (SH) irão apurar o caso e, até o fechamento desta matéria, ainda não tinham a identidade das vítimas.

Segundo o boletim de ocorrência (B.O.) registrado no 1º Distrito Policial Central como "morte decorrente de intervenção policial", policiais militares da Força Tática do 17º Batalhão faziam patrulhamento nas proximidades da rodovia Mogi-Dutra (SP-88), quando entraram na estrada da Moralogia. Ao retornarem para a pista, notaram um Gol preto parado, com três homens fora do automóvel e dois dentro. Quando viram a viatura, o veículo fugiu com a dupla e o trio passou a efetuar disparos contra os policiais. Um dos tiros atingiu a porta dianteira direita da viatura Blazer e os PMs reagiram.

No revide, os três desconhecidos (um negro, um pardo e um branco) foram baleados e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado para o socorro constatando, ao chegar, que eles já estavam mortos. 
Peritos do Instituto de Criminalística (IC) de Mogi foram acionados e fizeram os primeiros levantamentos do cenário onde aconteceu o tiroteio. Três revólveres de calibres 38, todos com munição intacta e também deflagrada, foram apreendidos próximos aos corpos e encaminhados para a perícia. A numeração de todas essas armas, verificou a polícia, era suprimida.

O delegado André Junji Ikari, de plantão no 1º DP Central, compareceu ao local, bem como investigadores do SH. Além dos revólveres dos suspeitos, as pistolas ponto 40 de propriedade da Polícia Militar, envolvidas na ocorrência, também foram apreendidas e encaminhadas para análise pericial. Já os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Mogi. 
Por enquanto, não há pistas sobre o paradeiro do veículo suspeito e nem dos outros dois homens, que conseguiram fugir.

Fonte: MOGINEWS

0 comentários:

Postar um comentário